Chegado o 9.º ano ou o 12.º ano… como tornar as opções vocacionais dos jovens mais fáceis

Aproximado o momento de os jovens fazerem escolhas relativamente à área vocacional a seguir, podem surgir dúvidas e incertezas, pois trata-se de decidir o seu futuro!

 

Como tal, é importante que os jovens tenham acesso a todas as ferramentas que os irão auxiliar neste processo de decisão, informando-se sobre as várias opções de cursos e profissões, mas também sobre os técnicos que os podem ajudar a perceber a sua verdadeira vocação.

 

 

Decidir parece constituir um risco, mas este será tanto menor quanto mais informados os jovens estiverem, e conscientes dos seus desejos, capacidades e opções.

 

Ao realizarem um processo de Orientação Vocacional, os jovens acedem a mais elementos e informação, que lhes permitem fazer uma escolha mais segura, relativamente ao prosseguimento dos estudos ou de uma profissão.

 

Tendo presente que o desenvolvimento da carreira é um processo que se dá ao longo da vida, a orientação vocacional é o primeiro passo fundamental no apoio à definição do projecto de vida dos jovens e na gestão das múltiplas transições que o desenvolvimento da carreira implica.